Porque é que os portugueses têm o estranho hábito de ultrapassar ou mudar de direcção sem usar os piscas?

Outro dos assuntos que me deixam fora de mim. Se as viaturas têm piscas porque é que as pessoas não os usam? Porque é que tenho sempre de andar a adivinhar para onde essas almas pretendem ir? Será outro "complô" para me deixar doido?

Digam-me de vossa justiça e mais uma vez lancem luz sobre este assunto que, na sua consequência máxima, provoca acidentes e, infelizmente, muitas vezes mata.

Já lá dizia o meu velho instrutor de condução e código na Escola de Condução do Restelo: se toda a gente cumprisse o código, fosse ele qual fosse, tornaria as funções da Brigada de Trânsito e da Polícia de Trânsito da PSP, completamente obsoletas. Infelizmente as pessoas têm mentes bizarras e depois de tirarem a carta, decidem que o código era apenas algo que precisam de aprender para passarem o exame... tudo o resto é paisagem.

Comentários

Anónimo disse…
olá
sinceramento não tenho resposta para te dar!
Aí nessa "selva" onde moras eu costumo dizer que não se conduz....vale tudo....
portanto na minha opinião, é uma questão de não "gastar" demasiado a manete dos piscas....;););)
bjns
pergunta interessante.......
nany
Catarina disse…
Uma vez alguém sugeriu que os piscas fossem uma opção nas viaturas portuguesas, tipo um extra como o ar condicionado ou o tecto de abrir...isto tendo por base um estudo que revela que a maioria dos condutores não tira o devido partido deste equipamento instalado nas viaturas...equipamento que por acaso, só por acaso, permite cumprir uma das regras elementares da condução. Quem sabe se esta sugestão um dia se torna real...