Lusoladroagem... é fartar vilanagem...

Marquem as minhas palavras... é a última vez que coloco os pés num cinema.

Não sei se algum dos meus leitores, em Portugal, se tocou acerca dos preços que estão a ser praticados por esta máquina de sugar dinheiro ao incauto cidadão, que dá pelo nome de Lusomundo. Fiquei totalmente escandalizado pela quantia que me foi solicitada para adquirir um bilhete de cinema: €7,50.

Ainda estes senhores querem combater a pirataria dos conteúdos audiovisuais. É que nem num milhão de anos isso irá acontecer. Pelo contrário, a pirataria irá aumentar em directa proporção à vontade das pessoas em ver filmes e não possuírem qualquer modo de pagar quantias tão avultadas para assistir a um filme que neste caso apenas tinha 89 m na melhor das hipóteses.

Para além do preço do bilhete de cinema, ainda todo o leque de bebidas, pipocas e outras distracções, sofreram o costumeiro aumento... para ficarem quase a um preço inacessível.

É uma verdadeira loucura ir-se ao cinema nestes dias. Eu apenas fui porque era um filme que merecia ser visto no cinema e em formato 3D, porque senão não tinha lá colocado os pés. Quero exortar toda a gente a fazer greve às idas ao cinema quer seja numa Lusomundo ou em outra empresa qualquer. 

Para além deste assalto "em plena luz do dia", o banco que oferecia descontos de 50% nos bilhetes, obriga-nos agora a pagar os bilhetes com o cartão de crédito... coisa que não acontecia antes. Eu que apenas usava o cartão para o desconto regular nos bilhetes de cinema, decidi devolvê-lo pois não quero de modo nenhum gastar dinheiro em crédito de bilhetes. Outra tentativa para ludibriar os clientes levando-os a gastar quantias do cartão de crédito. Que bela atitude senhores do MillenniumBCP. Parabéns... do meu lado só perdem, mais nada.

Numa atitude de puro cinismo, um funcionário que se dizia responsável pelo atendimento ao público no cinema do Colombo, acerca-se de mim para me dizer que era funcionário ali há uns 11 anos e nunca se lembra dos bilheres terem aumentado de preço... dizer-me isto a mim, que há uns 2 a 3 anos atrás frequentava regularmente aquele cinema e notava aumentos todos os meses de cerca de €0,20 a €0,30 de duas em duas semanas, regularmente. Aumentos encapuçados e sem razão aparente, mas que a maior parte dos clientes não reclamava... apenas os mais atentos os mencionavam aos funcionários das caixas, que rapidamente e a ordem da gerência, os negavam veementemente.

As polícias jamais irão ter mão nisto e seria bem melhor se voltassem a atenção para quem verdadeiramente anda a assaltar os cidadãos, para os verdadeiros ladrões... as grandes empresas, escudadas pela crise.

Comentem e digam de vossa justiça se vos tocou já na pele este tipo de tirania cultural e como se sentiram.


Comentários

Utena disse…
Não será por causa do aumento do IVA?
HomerJ disse…
Não é só por causa disso... já antes eles aumentavam subliminarmente os preços. Tenho os bilhetes todos para o comprovar. É uma grande corja a par de outras empresas que apenas pensam em drenar o mais possível o mercado sem se preocuparem com mais nada.

O preço correcto para um bilhete de cinema para o nível de vida atual deveria ser €3,50 e já dava lucro. Assim haveria ainda mais gente a ir ao cinema e com salas esgotadas.