Queima chatices...

Esta época do ano é algo que me angustia e aborrece sobejamente. Angustia porque nunca consegui tirar um curso universitário por diversos motivos incluíndo uma juventude atribulada e uma adolescência ainda pior e aborrece porque não consigo descansar ou mesmo dormir devido às contínuas festas que são organizadas umas vezes pelas faculdades em Monsanto e outras vezes pela Universidade Lusíada na Rua da Junqueira.

O barulho das festas por vezes nem tem nexo mas é uma cacofonia que tenho de colocar fones nos ouvidos para conseguir dormir. Obviamente que depois não posso tê-los nos ouvidos muito tempo porque tenho medo que o meu filho pequeno tenha algum problema e não o consiga ouvir. Um ciclo vicioso estúpido. Quanto aos estudantes que organizam estas festas... não querem saber de nada. O que lhes interessa mesmo é a festa e as loucuras que se fazem nesta altura.

Outra das minhas irritações nesta época é a falta de estacionamento quando chego tarde a casa vindo do trabalho e preciso de estacionar para poder ir descansar.... não existe um único lugar disponível. É um caótico estado de coisas porque os meninos estudantes não se incomodam com mais nada do que largarem os seus pedaços de lata em qualquer sítio muitas vezes deixando espaços enormes entre as viaturas, eliminando assim espaço precioso que de outro modo poderia ser usado por mais viaturas, nomeadamente a MINHA!!!

Eu até entendo que é uma felicidade terem terminado o curso e, obviamente, têm de ter uma festa para comemorarem este esforço de vários anos para completarem mais esta fase da vida deles... mas não prejudiquem a minha que já cá ando há mais anos e até trabalho no dia seguinte e preciso de descansar devidamente. Mas não posso mais uma vez... porque têm a protecção da Câmara Municipal de Lisboa e as respectivas licenças para fazer barulho até às tantas. Não posso reclamar nem fazer queixa de nada porque está tudo legal e "preto-no-branco". Cum caraças... mais uma vez "quem se lixa é o mexilhão".

Quero é que esta época do ano passe rapidamente para não me preocupar mais com isto e poder passar à fase da praia e do surf em águas menos revoltas :)

Comentários

Elsa Barreto disse…
Um civismo queimado